Mercedes-Benz aumenta em quase 50% as vendas de ônibus no primeiro bimestre

Data da publicação: 13/03/2019

·    Empresa mantém liderança destacada no segmento, com aproximadamente 50% de participação de mercado

·    Renovações e ampliações de frotas de ônibus urbanos puxaram as vendas no início de 2019

·    Após demonstração realizada pela Mercedes-Benz, a Viação Cidade Sorriso adquiriu 6 superarticulados O 500 para renovação de frota em Curitiba

 

Mercedes-Benz inicia o ano mantendo sua destacada liderança nas vendas de ônibus no País. No acumulado do primeiro bimestre, a Empresa emplacou 1.481 unidades, volume quase 50% superior às 1.007 unidades do mesmo período de 2018. Com isso, alcançou cerca de 50% de participação de mercado no segmento acima de 8 toneladas de PBT – peso bruto total.

“Cerca de 80% desse volume de 1.481 unidades são para renovação e ampliação de frota do transporte coletivo”, afirma Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “São 817 urbanos, com liderança de 73% na categoria e 374 micros, também líder, com mais de 43% de participação no bimestre”.

A Mercedes-Benz também liderou as vendas de ônibus rodoviários no acumulado de janeiro e fevereiro de 2019, com 110 unidades emplacadas e 46% de participação de mercado. Destaque também para as vendas de 178 micro-ônibus escolares.

De acordo com o executivo, a grande missão da Empresa neste ano é continuar inovando para sustentar a liderança histórica da marca em vendas de ônibus no Brasil. “Além do foco em conforto e segurança para os passageiros, nosso time está totalmente dedicado a apoiar os clientes na redução do consumo de combustível e de custos operacionais, contribuindo para a eficiência e a rentabilidade de seus negócios”, diz Walter Barbosa. “Com 21 ônibus da nossa frota de demonstração, vamos às operações dos clientes para apresentar nossas tecnologias e comprovar, na prática, que elas trazem os resultados esperados e que vale investir nos produtos e serviços da marca. Também estamos intensificando nossa presença nas empresas de ônibus com os Consultores técnicos BSP e inovamos com os Consultores Gerenciais”.

No ano passado, a Mercedes-Benz aumentou em 24% as vendas de ônibus no Brasil em relação a 2017, com 7.458 unidades emplacadas. Dessa forma, manteve sua liderança no segmento acima de 8 toneladas de PBT, com 51,6% de participação, sendo 79% em urbanos e 55% em rodoviários.

Após demonstração, superarticulado O 500 MDA foi aprovado para Curitiba

As ações de demonstração de ônibus realizadas pela Mercedes-Benz junto às operações reais das empresas de transporte resultaram na aprovação do superarticulado O 500 MDA na cidade de Curitiba, capital do Paraná. Depois de aproximadamente um mês de uso do veículo da fábrica, a Viação Cidade Sorriso, do Grupo Gulin, adquiriu seis unidades do modelo para renovação de frota. A Auto Viação Redentor, do mesmo grupo, também somou duas unidades do superarticulado O 500 MDA a sua frota. As duas empresas utilizam estes ônibus nas vias dos sistemas Alimentador, Convencional, Interbairros e Linha Direta de Curitiba.

“O superarticulado O 500 nos convenceu pelos bons resultados em termos de custo operacional. Identificamos ótimas perspectivas de redução no consumo de diesel e também no custo de peças, porque já contamos com o histórico de ônibus articulados Mercedes-Benz na frota e isso nos oferece previsibilidade de custos de reposição e manutenção, além de possibilitar a intercambialidade de peças”, diz Eduardo Tows, gerente de manutenção da Viação Cidade Sorriso. “Nossos motoristas também ficaram satisfeitos com o fato deste ser um veículo mais silencioso, pela localização do motor na traseira. Com isso, eles ganham em conforto e segurança, podendo dedicar mais atenção ao trânsito e aos passageiros”.

Eduardo Tows destaca ainda que a ação de demonstração e o suporte da fábrica reforçam ainda mais o relacionamento da Viação Cidade Sorriso e do Grupo Gulin com a Mercedes-Benz. “Os superarticulados O 500 que adquirimos ganhou o comprimento total de 21 metros, a fim de atender à exigência do sistema de transporte coletivo urbano de Curitiba”, diz ele.

As vendas de ônibus Mercedes-Benz para o Grupo Gulin foram ainda mais expressivas em 2018. Em outubro, foram comercializados 121 modelos urbanos para renovação de frota de suas empresas que operam no sistema de transporte coletivo de Curitiba. A negociação envolveu chassis dos modelos OF 1519, OF 1721 (suspensão mecânica), OF 1721 L (suspensão pneumática), O 500 MA articulado e O 500 MDA superarticulado, destinados para transporte urbano e metropolitano.

Esse lote de veículos foi aquirido pelas empresas: Auto Viação Redentor (34 unidades), Auto Viação Santo Antônio (7 unidades), Transporte Coletivo Glória (43) e Viação Cidade Sorriso (37). Essa compra reforça a confiança do cliente nos ônibus Mercedes-Benz, que são reconhecidos em todo o País pela robustez e resistência na severa atividade do transporte coletivo urbano de grande volume de passageiros.

Lançamento do ESP e EBS para O 500 RSDD com freio a tambor

A partir de maio próximo, o chassi O 500 RSDD 8x2 entra na frota de demonstração da Mercedes-Benz trazendo uma grande novidade. Este modelo passa a contar, como itens de série, com os sistemas ESP (controle eletrônico de estabilidade) e EBS (sistema eletrônico de freio), agora disponíveis com o freio a tambor. Além de ampliar o padrão de segurança do veículo, essa novidade facilita a manutenção, reduzindo assim o custo operacional.

A versão ESP e EBS com freio a tambor ampliará o portfólio dos chassis rodoviários O 500 RS e RSD, que também contam com freios a disco.

“Com a evolução do mercado e das nossas vendas, o O 500 RSDD deixou de ser um produto de nicho, passando a atender um segmento de mercado em crescimento, especialmente para médias e longas distâncias e turismo de luxo”, diz Walter Barbosa. “Projetamos maior volume de vendas este ano e as demonstrações nos ajudam a divulgar as qualidades e diferenciais desse produto top de linha do nosso portfólio de ônibus”.

O chassi O 500 RSDD 8x2 de 4 eixos é indicado para carroçarias de até 14 ou 15 metros de comprimento, nas configurações Double Decker (ônibus de dois pisos com assentos para passageiros) e High Decker (piso superior com assentos e piso inferior exclusivo para bagagens).

Download do Press Release